laylla

laylla
ao tempo o tempo

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

E ela ficou em PAZ

ELa sorriu e levantou-se
sentiu uma paz enorme cercar seu coração
antigo.
Seu amor ja não doia ,era puro ,amigo,sincero e livre.
seu coração o carregaria para sempre
...mas sem a cegueira da paixão
ela agora podia ir, para onde seus olhos lhes levassem
o caminho seus pés fariam,ela iria
tinha certeza,mas agora sem bagagens
sem travas,apenas com a coragem de caminhar
ela achava que la na frente braços
a esperariam,a aconchegariam
mais amor...

Nenhum comentário: