laylla

laylla
ao tempo o tempo

domingo, 12 de agosto de 2012

nosso amor acabou


Nosso amor acabou ponto

Numa tarde de verão nosso amor
Acabou; ponto
Como sempre no Rio, um calor dos infernos.
Meu coração congelou na hora, foi a 24º abaixo de zero
Sobrou a chave jogada sobre a mesa
Sobrou a toalha ainda usada no banho como sempre
Jogada na cama, alias sobrou a cama,
Um resto de café no copo, mania de não usar a xícara
No fundo já sabíamos que o amor iria acabar
Faltava a coragem pra o deixar ir embora
Nada foi facilitado, não poderia ser fácil
Mas o amor acabou, ponto
O medo viria  só no dia seguinte
Quando então não sobraria nada
Nem a dor, nem a raiva,só  mesmo o desamor
e o um vazio que fica, sempre quando o amor acaba
Pensei em ir assistir uma peça dessas bem engraçadas
Sem tragédia, depois fumar um cigarro, ir num barzinho e
E contar de maneira gaiata que o amor acabou
Que foi bom enquanto durou, mas que tudo
Ficaria bem, o tempo é o melhor remédio
Depois alguém me diria, que amor
Que acaba não é amor é paixão
Como se alguém soubesse algo de amor
Já faz um ano, e parece que foi ontem
Que o amor acabou...

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

gosto quando mentes


Adoro quando mentes e dizes que sou perfeita
Que meus olhos de enfeitiçam
E que minha boca te enlouquece
E que em mim não ves defeito.
Que não podes ficar longe de meu corpo
E que nosso tesão é único
E nosso amor inesgotável
Meu coração acredita
Mas minha alma tem medo
É um desassossego deixado
Por quem nuca me amou
Mas vou me abrindo aos poucos
E quando me acordas com um
Sorriso,sei que é tudo o que preciso
Saber.
Me tomas de jeito,deitas em meu
Peito é isso é só o que importa
Entrastes na minha vida
Cicatrizastes a ferida
Deitastes e batentes a porta  

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Eu só queia ver estrelas

mas eu so queria ver estrelas!
no coração  das pessoas
nas aguas do mar
eu so queria ver as estrelas que brilham nos teus olhos
quando sorris
queria ver estrelas
na generosidade de quem da um abraço
que dá um coração amigo
queria ver estrelas 
quando vem aquela lembrança gostosa
de um momento feliz
queria ver estrelas
quando sinto saudade do amigo
e como eu queria contar
contigo
queria ver estrelas
quando sonho que estou feliz e acordo cantando
queria ver estrelas toda vez que eu amo
e sou correspondida
queria ver estrelas quando posso ter
a confiança de falar com alguem
queria ver estrelas
sem precisar olhar pra o céu
e pedi
perdão a Deus
por aqueles
que me fizeram
ficar
triste
porque ele existe
e seu reflexo no mundo
me faz ver estrela...

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

seja feliz



EU QUERO QUE VOCÊ TENHA SONHOS

E que todos eles se tornem realidade.
Quero que você aproveite ao máximo
os momentos da sua vida.
Quero que você realmente entenda
o quão único e raro você é
Quero lembrá-lo que o sol
pode desaparecer por alguns instantes,
Mas nunca se apagará.
que voce merece toda felicidade do mundo
e que eu nunca deixarei
que lhe façam mal
o meu caminho termina ali o seu
começa agora
nunca permita que quem quer
que seja envenene sua alma
novamente
seja firme  e reto e passe isso
pra os teus filhos
voce é feito de amor e merece muito amor e lealdade
sempre te amarei,afinal ninguém pode me
impedir de amar voce,e terei sempre uma prece em meus lábios por você
afinal eu tive o prazer de ter voce na minha vida
seja muito feliz com amor
layla

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Um beijo


Um beijo

       o melhor da minha vida,
Um beijo suado e quase roubado
Com cheiro de whiske
Quase um tormento
Um momento que seria esquecido
Me queimou os lábios profanos
Meu premio,meu castigo
Por ter ousado sonhar contigo
Um gosto amargo e doce
Alimentando minha alma
Em teus lábios apenas um toque
Em meu coração
Um desejo do inferno
A perda da consciência
Da inocência de toda a calma
Um ultimo beijo
De amor
Minha boca ferida
Seca partida
Um beijo,foi só o que
Restou da tristeza deste amor

de vez em quando doi.



Dói, de vez em quando....quando eu rio
Quando eu lembro....quando eu sonho
Dói de vez em quando,...quando eu vejo um pedaço de mar
Quando eu abraço o meu corpo...quando eu choro
Dói de vez em quando....quando eu vejo o sol entrando pela fresta
Quando eu sinto o vento no meu rosto,quando eu respiro...

Dói de vez em quando...quando a saudade 
 é tanta que eu esqueço o meu nome.
Quando a cerveja fica com gosto amargo
 e engulo em seco pra lembra teu cheiro e seu gosto
Dói de vez em quando...
mas é como se doesse sempre....
 eu disfarço a dor...
doi de vez em quando...
Quando eu sinto esse amor,
quando eu sei que ele foi...
e...não ,
 não vai voltar...
ai dói de vez em quando...

oração


Estás comigo, eu sei que sim
Na minha alegria, na minha tristeza
No meu desespero me manténs
Tranqüila
Então vou percorrendo meus caminhos
o perigo que me ronda, mas nada temo,
Pois tomas conta de mim
és o meu guia, sinto teu amor atravessar
A minha alma, sinto teus braços
Quando choro sozinha e sei
Que me consolas
Me acolhes nas noites de solidão e
eu me entrego e me abandono...
Ao teu amor,  só ele pode
Aplacar a minha dor
E confio cegamente em ti !
A cada dia que amanhece,
Agradeço tua vigília
Que afasta o inimigo
que peçonhento me quer mal
Nada temo, sinto teu abraço a me
Proteger
Aquele que transformou a água em vinho
que alimentou os famintos
Que andou sobre as águas, que acalmou o mar
Poderá me proteger me fazer feliz
Sei que posso te guardar.
Espero que a humanidade ainda mereça
O sacrifício que por ela cometes-te
Rendo graças ao seu nome
TENS TODO O MEU AMOR
JESUS FILHO DE DEUS

Bloody Mary


Bloody Mary

Ingredientes
1 ½ dose de vodka
3 doses de de sangue
½ dose de suco de sofrimento
1 toque dor
1 toque de molho de desamor
1 pitada de sal

Modo de preparar
1. Bata bem todos os ingredientes no coração
2. Sirva em copo alto,talvez alguem beba ...

combinandinho...






quando fiquei muda,pedi à  Deus pra tambem ficar surda
eu não precisava saber das historias
não precisava falar nada,eu podia ate ficar cega ,que não faria a menor diferença,
tudo o que eu precisava era ter minhas lembranças,
pois ainda tinha esperança que tudo
não passase de um sonho mal.
mas não houve aquele odio todo,apenas uma apatia,como um buraco
negro que a tudo engolia.
como se o fim da tarde não acabasse nunca
e a noite não chegasse pra esconder meus olhos.
respirei fundo varias vezes,pois o ar me faltava
,minha garganta queimava e era dificil dizer
que cheiro era aquele,se de dor
ou de morrer.
mas vamos combinar  quem ta na chuva e pra se queimar
quem cai no fogo e pra se molhar
quem um dia  ama sabe que tudo vai acabar...