laylla

laylla
ao tempo o tempo

segunda-feira, 23 de maio de 2011

onde?quando!?

onde estará filho que não pari
a dor que não senti
o nascer de sol que nunca vi?
onde andará o homem que nunca amei
o beijo que nunca dei
a rima que nunca criei?
quando será o fim da velha dor
o inicio de um novo amor
roubar da rosa a cor?
por que será que um filho
eu não pari ,perdi
por que um homem eu nunca amei ,beijei?
o que será da rosa que eu roubei
do por-do- sol que não olhei?

Nenhum comentário: