laylla

laylla
ao tempo o tempo

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010



Meu coração esperava pelo teu
Meu amor era feito sobre medida pra você
Minha alma não era gêmea da tua, era siamesa.

Hoje meu coração não espera mais
Minha medida do amor diminuiu

Nossas almas não se reconheceram

Meu sorriso até já chegou aos olhos de outro alguém
Minha boca nunca será tua

Não vou dizer que o amor acabou
Mas quem sabe?
Na próxima a gente acerta

Nenhum comentário: